Gestão da Prática e da Saúde da mulher: Rede Cegonha

Alinhando as diretrizes nacionais da política de Atenção Integral à Saúde da Mulher, fundamentadas na perspectiva de promoção e garantia do direito à saúde das mulheres em todos os ciclos de vida, resguardadas as especificidades das diferentes faixas etárias e das distintas populações, o Ministério da Saúde lançou, em 2011, a Rede Cegonha (RC).

Na perspectiva de composição da rede de atenção à saúde da mulher, busca-se efetiva igualdade e equidade de gênero, raça e etnia, e ampliação do enfoque da saúde sexual e da saúde reprodutiva, para fortalecer a autonomia e protagonismo das mulheres.

A introdução dos testes rápidos para sífilis e hepatites B e C estão acontecendo de forma gradual nos municípios brasileiros, pois há a necessidade de capacitação de profissionais nas metodologias e também da preparação do serviço para implantar esses insumos e atender adequadamente o paciente quanto ao acolhimento, aconselhamento, testagem, encaminhamento e acompanhamento.

Ademais, a introdução dos testes compõe a necessidade de integração do núcleo familiar na linha de cuidado, incluindo a abordagem do parceiro: o Pré-natal do Pai.

https://www.unasus.gov.br/cursos/curso/45564

O Processo Tutorial na Aprendizagem Baseada em Problemas

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s